Eletricista – Profissão, Média Salarial





O mercado de trabalho está aquecido para eletricistas e o profissional que tiver cursos técnicos e de especialização consegue boas possibilidades de emprego.

O eletricista é um profissional qualificado a realizar instalações elétricas em ambientes comerciais, residenciais e industriais, respeitando normas técnicas e de segurança. Realizar manutenção elétrica e fazer instalação de instalar equipamentos eletrônicos.

Além de saber utilizar as ferramentas e ter habilidades técnicos necessárias para atuar na profissão, um eletricista considerado bom necessita ter atributos como: realizar cálculos e saber analisar desenhos técnicos, saber se comunicar, habilidades para resolver problemas, ter responsabilidade e ser organizado, trabalhar com proteção e segurança, em caso de eletricistas autônomos são essenciais, ser empreendedor, boa assistência ao cliente e habilidade de negociação. Saber utilizar o computador está sendo cada vez mais importante nesta profissão.

Mercado de Trabalho:

Os eletricistas habilitados tem capacidade de trabalhar na indústria; empresas petroquímicas; na construção civil; em órgãos públicos como prefeituras, órgãos estaduais e federais; prestadoras de serviço e como autônomos.

O mercado de trabalho está aquecido para profissionais eletricistas e faltam trabalhadores preparados para suprir a demanda. Sendo assim, o eletricista que tiver cursos técnicos e de especialização consegue boas possibilidades de emprego.

Média Salarial:

Os eletricistas não tem um único piso salarial válido para todo o País, mas todos que trabalham em empresas recebem um adicional de 30% de periculosidade. Os sindicatos com relação à classe dos eletricistas e àquelas áreas onde esses profissionais trabalham têm pactos e convenções coletivas para determinar o salário, adicionais, benefícios e remuneração por horas extras para várias regiões e gênero de empresa.

Um eletricista recebe a cerca de R$ 1.008,00 e R$ 2.800,77, dependendo da especialização. Com média salarial de R$ 1.695,20 em todo o país.

Dos ramos que pagam salários melhores para eletricistas estão, a indústria de petróleo e gás e o setor de infraestrutura. Investimentos nas áreas de construção civil, telecomunicações e automação industrial contribuem também para que profissionais qualificados conquistem um bom posicionamento no mercado e boa remuneração.

Formação Acadêmica:

Instituições como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) dispõem de curso gratuito de eletricista em todo o Brasil é disponível também pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, o Pronatec.

As chances de emprego são altas para quem faz curso técnico de eletricista, eletroeletrônica, eletromecânica, elétrica automotiva, eletrotécnica e afins. Um estudo do Senai aponta que a maior parte dos alunos de formação técnica, inclusive eletricistas, já concluem o curso com a carteira assinada.

Por Lucineia Fatima Campos

Outras Profissões:

Contador

Farmacêutico

Engenheiro de Produção

Analista de TI

Gerente de RH

Advogado

Arquiteto

Biomédico

Acupunturista

Almoxarife

Analista Comercial

Agente de Viagens

Aspirante da Aeronáutica





Assessor de Imprensa

Assistente Social

Aspirante a Oficial do Exército

Auxiliar ou Assistente Administrativo

Agrônomo

Auditor

Bibliotecário

Biólogo

Blogueiro

Bombeiro

Barista

Ator

Chefe de Cozinha

Comunicador Social

Corretor de Imóveis

Corretor de Seguros

Cumim

Cuidador de Idosos

Decorador

Designer

DJ

Economista

Editor de Imagens

Biotecnólogo

Editor de Texto

Educador Social



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *