Analista de TI – Salário, Mercado de Trabalho, Formação Acadêmica





O Analista de TI é responsável por prover os recursos de TI, ou seja, adequar seu uso corretamente para dispor e manter todas as informações em segurança.

Hoje tudo gira em torno da tecnologia e também são geradas muitas informações. Voltando um pouco no tempo, os computadores eram grandes máquinas que tornavam algumas tarefas possíveis de ser executadas, ou seja, automatizava diversas ações.

Com o passar dos anos, a tecnologia foi evoluindo e as máquinas gigantes foram diminuindo seu tamanho físico, no entanto, aumentando sua capacidade de processamento e armazenamento das informações.

Além disso, todos estes equipamentos passaram a evoluir sua tecnologia, a telecomunicação aos poucos foi permitindo que estas máquinas se comunicassem entre elas por longas distâncias.

Primeiro vem a informação…

Mesmo com todo o avanço da tecnologia, a superação das distâncias para as telecomunicações, a informação vem antes de tudo isso. E trabalhar com a informação é o centro de toda esta evolução.

A informação é valiosa!

O termo “Tecnologia da informação” é popular devido ao alto valor que a informação possui. A informação fez com a tecnologia fosse desenvolvida e alcançasse níveis jamais imaginados em outros tempos.

Para empresas, entidades governamentais e não governamentais, pessoas, a informação não são apenas bits e bytes unidos, mas sim um conjunto de dados que se transformam em um patrimônio de valor.

A importância da informação é tão essencial que muitos negócios podem ser destruídos ou descontinuados. Por exemplo, do que seria uma instituição financeira sem todas as informações de seus clientes, se caso ela perdesse todos os dados relacionados a valores de cada um, conta, entre outras informações?

Profissional de TI:

Existem profissionais que cuidam das informações. E um desses profissionais é o Analista de TI.

O Analista de TI é responsável por prover os recursos de TI, ou seja, adequar seu uso corretamente para dispor e manter todas as informações em segurança.

A sua função é entre várias atividades planejar, instalar, configurar e administrar as redes que estão interligados os computadores. Dimensionar requisitos para tráfego de informações, definir quais ferramentas serão utilizadas, especifica quais programas e aplicativos são importantes para manter todo serviço em plena execução.





Monitora e avalia todo o desempenho da rede, cria políticas de segurança para a rede, além de prestar suporte aos usuários.

Além de toda esta responsabilidade ele elabora documentações e procedimentos para que todo o serviço seja mantido em perfeitas condições, prevenindo contra falhas da rede.

Formação do Analista de TI:

A formação de um Analista de TI envolve graduação em análise de sistemas, ciência da computação, sistemas da informação e gestão de TI.

São diversas oportunidades que aparecem no mercado e a média salarial está variando dependendo do tamanho da empresa e experiência do profissional entre R$ 1.908,08 a R$ 7.872,70 (fonte: Banco Nacional de Empregos).

O nível profissional é escalado em Trainee, Júnior, Pleno, Senior e Master e seguindo a escala o tempo de experiência é de 2 anos (trainee), 2 a 4 anos (Júnior), 4 a 6 anos (Pleno), 6 a 8 anos (Senior) e mais de 8 anos (Master).

Os Estados que mais buscam estes profissionais são: São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Um dado interessante é que as oportunidades são para profissionais com nível superior.

Por Marcio Ferraz

Clique aqui e saiba mais sobre a profissão de Engenheiro Civil.

Clique aqui e saiba mais sobre a profissão de Administrador.

Clique aqui e saiba mais sobre a profissão de Contador.

Clique aqui e saiba mais sobre a profissão de Farmacêutico.

Clique aqui e saiba mais sobre a profissão de Engenheiro de Produção.



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *