Passe Livre para estudantes em São Paulo – Como funciona





Para ter esse direito é preciso seguir algumas regras essenciais.

Desde o início do ano de 2016, a SPTrans e a Prefeitura de São Paulo, estão dando, a muitos estudantes da cidade de São Paulo, Passe Livre para circular nos ônibus. Mas, para ter esse direito é preciso estar incluído em algumas regras. Veja quais são elas:

  • Cursar o Ensino Fundamental ou Ensino Médio na Rede Pública de Ensino, seja ela do município, estado ou país.
  • Cursar o Ensino Público Superior na Rede Pública de Ensino, seja do Estado ou do País e ter renda familiar inferior a 1 salário e meio mínimo nacional.
  • Cursar o Ensino Superior em Faculdades ou Universidades privadas, desde que o aluno seja:

    • Bolsista do Prouni
    • Financiado pelo Fies
    • Integrante do Programa Escola da Família
    • Integrante por programas do governo de cotas sociais e possuir renda familiar inferior a 1 salário e meio mínimo nacional

Se você está incluído em uma destas regras é preciso que, primeiro, a instituição educacional envie os seus dados para a SPTrans. Depois disso, você deverá entrar no site da SPTrans e solicitar o Bilhete Único. Com isso, será gerado um boleto para o pagamento da taxa anual, que poderá ser pago em qualquer agência bancária.

Mas, fique atento! Quando é necessária a comprovação da renda familiar, ela deverá ser realizada pelo site da SPTrans, preenchendo um cadastro de auto declaração da renda familiar.





Quando o cartão ficar pronto, ele será enviado para a escola. Com o bilhete em mãos, você só precisará aproximá-lo das máquinas de recarga automática para garantir a sua cota gratuita referente aquele mês. Mas, se você irá utilizar o mesmo do ano passado, só será preciso aguardar o prazo de 3 dias, que é de validação do boleto.

Quem estuda o mês inteiro, mensalmente serão creditadas 24 cotas diárias no cartão, que dá direito a usar até oito ônibus, livre, por todo o dia. Isto quer dizer que mesmo que o mês tenha apenas 20 dias de aula o aluno ainda pode se deslocar de graça por 4 dias, no mês, para onde quiser.

Se constar no site a sua matrícula disponível, mas aparecer a mensagem que você não tem direito ao Passe Livre, talvez a instituição educacional não tenha enviado as suas informações para a SPTrans. Nesse caso, o indicado é voltar à instituição.

Por Kika Akita



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *